Experimento científico no frangÓ #01 – molho moreninho simpático

frango com mostarda e shoyo page

O pedido foi claro: frango na mostarda. Mas a fome era grande. E o frango na mostarda tem, necessariamente, que ficar “in cura” por duas horas. “Quer saber?”, pensei, “eu não sou Knorr, mas vou fazer do meu jeito” (tundun-ts).

Então eu temperei o frangolison com sal e pimenta e coloquei na linda travessa herdada de fofó, com um fio de óleo. Depois numa tigelinha eu misturei em 2 colheres de sopa de mostarda com uma de shoyo e misturei bem. Ficou um molho moreninho simpático. Coloquei seis dentes de alho picadinhos e um fio de azeite. Mexi, mexi, mexi. E pá! Espalhei no frangoso.

 

Vedei a travessa com um papel alumínio e quando ele ficou rosa tirei e fui virando o franguete até ficar douradinho, ao meu gosto. Na boa? Uma experiência científica de improviso que valeu tanto pelo sabor, quanto pelo aroma.

As batatinhas eu cozinhei na água com sal, fritei na manteiga e acompanhei com salsinha.

Uma horinha fica pronto. É bom pra sabe o que? Sair da rotina do frangolino assado ou de panela.

Anúncios

Um comentário sobre “Experimento científico no frangÓ #01 – molho moreninho simpático

  1. Pingback: Experimento científico no frangÓ #02 – frango crocante | Ovo Frito Estáile

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s